Case Cetti®️

A SPREAD®️ é um estúdio com foco em projetos de Branding e Fashion Design. Dentro desse escopo de serviços, a Cetti é um entre nossos cases mais completos. Assumindo o projeto em 2018, fomos responsáveis pelo desenvolvimento inicial da marca e das coleções lançadas desde então.


A parceria se iniciou através do contato do fundador da empresa, Joao João Roncetti, pela elaboração de uma identidade visual e estampas que dessem vida a suas ideias. Prontamente percebemos o potencial da sua proposta e a abraçamos, em uma colaboração consolidada que já dura pouco mais de tres três anos. Sobre o primeiro contato com o estúdio, João conta:

“Eu já tinha contato com amigos que já tinham trabalhado junto com a Spread e eu gostei do resultado. Eles deram um feedback muito bom e aí eu me interessei. Marquei a primeira reunião com o Marcos e a troca de ideia foi muito boa. Vi que ele estava entendendo o que eu queria, entendendo as minhas necessidades. A partir da primeira reunião já fechamos o contrato da primeira coleção e aí o resto virou história, né?”

Já com uma perspectiva de futuro, no primeiro momento traçamos o planejamento estratégico que direcionaria todo o trabalho criativo de construção da marca e das coleções. Somando os objetivos do fundador à nossa experiência no segmento, determinamos uma série de metas para os cinco anos seguintes - dentre elas estabelecer um método próprio de criação, um público fiel, alcançar stylists renomados, lojas conceito e vestir formadores de opinião.


O perfil das metas traçadas nos fez perceber que o mercado estadual não comportaria uma marca do porte e buchi no qual a Cetti pretendia se estabelecer. Alcançar o mercado dos centros mais representativos da cena streetwear exigiria credibilidade e reconhecimento de grandes nomes do segmento. Optamos então por atrelar a marca à estética, tendências e profissionais renomados, buscando o destaque a nive nacional.


As decisões criativas e executivas dos serviços de Branding e Fashion alinhadas à essa visão estratégica permitiu que a Cetti alcançasse a maior parte dos objetivos na metade do tempo proposto, que inicialmente seria de cinco anos. A seguir descrevemos cada etapa do case dm e do processo de construção da marca Cetti e elaboração de suas coleções.


Branding


O planejamento estratégico e a visão criativa dos envolvidos no projeto foram materializados e entregues à marca por meio de um manual completo de Branding. O documento produzido para a Cetti engloba aspectos fundamentais para compreensão da sua identidade, dos anseios do público e de como a empresa deve se comportar em relação ao mercado. O manual descreve:

  1. Posicionamento da marca

  2. DNA da marca

  3. Identidade visual e verbal da marca.


1. Posicionamento da marca


A estratégia traçada para Cetti a posiciona junto às marcas do streetwear com referência no apreço estético, exclusividade e sofisticação, equilibrando características presentes tanto nos mercados do Prêt-à-Porter quanto da Alta Costura. Esse olhar artístico para as peças ligado à moda europeia e aos movimentos contraculturais urbanos, contudo, afastam a Cetti das tendências do fast-fashion. Seu objetivo é estar presente em lojas conceito e vinculada ao público formador de opinião.


2. DNA da marca


O DNA da Cetti é sustentado por três pilares: sofisticação, conceito e expressividade. Através dessa seleção de atributos, buscamos frisar a importância que a marca dá à qualificação e evolução dos processos de produção, seu apreço por criatividade, autenticidade e manifestações culturais e artísticas.


A partir dessa conclusão, atribui-se à Cetti o arquétipo do Governante, que simboliza controle, liderança, responsabilidade e status.


3. Identidade da marca


A identidade visual da Cetti foi desenvolvida buscando uma aplicação descomplicada, objetiva e que por si só apresentasse sua personalidade e sofisticação. A logo é clássica e a paleta de cores - prezando pelo uso do preto, branco, cinza, bordô e verde - remete a tecidos e materiais nobres.


Quanto à identidade verbal, direcionamos a Cetti a se comunicar incitando liderança e poder. A marca deve se agir dentro do que entendemos como bom comportamento, se portando como uma role-model. A linguagem deve ser fria e direta.


Fashion


Passada a etapa de construção da marca, inicia-se o desenvolvimento Fashion. Até o momento, a Cetti entregou quatro drops, nos quais a Spread prestou serviço de criação completa de coleção, participando do processo de ponta a ponta. O serviço inclui:

  1. Briefing

  2. Pesquisa em tendência

  3. Criação de coleção

  4. Assessoria de produção têxtil

  5. Assessoria de produção audiovisual

  6. Assessoria de comunicação


Coleção 1 - NO IDOLS


A primeira coleção tinha o papel de iniciar o planejamento estratégico da Cetti, abrindo caminho para que a marca chegasse aos polos nacionais do streetwear. Logo, decide-se lançar uma primeira coleção mais compacta que transmitisse claramente a identidade da marca, desenvolvendo um portfólio inicial capaz de apresentá-la ao mercado de estados chave para o segmento.


As peças precisavam mostrar que a Cetti era mais que uma marca de t-shirts e evidenciar o seu cuidado com a escolha de tecidos, caimentos e composição de looks. Dentro da paleta de cores institucional, a primeira coleção trouxe elementos de alfaiataria, sobreposição de tecidos e aplicações diferentes do que se via no cenário street da época - e de acordo com as tendências de consumo que estariam por vir.



Para a direção criativa do ensaio da coleção optamos por um conceito sóbrio, frio e escuro. A decisão de não mostrar o rosto dos modelos visava manter o foco nas peças. Já a direção executiva nos levou até Porto Alegre, primeira das viagens feitas com a Cetti, para produzir as imagens junto a Nomma Mídia, agência de comunicação referência no mercado do streetwear. Sobre a presença da Spread nas viagens com a marca, João conta:

“Foi bom! Tanto o Marcos quanto outras pessoas da equipe já têm uma visão, uma boa experiência em torno de como seria o ensaio, as vendas. Então cada acompanhamento e direcionamento deles foi importante para a marca fluir e também para mim como aprendizado. [...] Hoje eu já sinto que tenho uma visão muito mais clara do que é uma coleção, um lançamento, a venda da própria coleção. Mas tudo por conta da experiência passada pelo Marcos e todo mundo em torno da Spread. [...] De início é primordial ter pessoas do seu lado também na hora da prática, não só criar uma coleção numa sala e depois você tocar sozinho.”

A coleção acabou ganhando um contorno bastante comercial, trazendo um retorno de vendas satisfatório. A credibilidade trazida pelos profissionais envolvidos no projeto e a boa recepção do público rapidamente se converteu em conexões importantes. Antes mesmo do próximo drop a Cetti já havia sido contactada por stylists requisitando peças para seus acervos.


Coleção 2 - Summer 2020


Ao fim da primeira coleção já tínhamos solidificado um método de criação próprio para a Cetti, que envolve pesquisa de tendências, desenvolvimento criativo e justaposição de ideias. Esse foi o ponto de partida para iniciarmos os trabalhos do segundo drop.


Decidiu-se trabalhar uma coleção de verão, com peças mais leves e que fossem confortáveis para uso em temperaturas quentes. Ainda que mantendo as referências das vestimentas militares e do workwear, trouxemos aplicações, peças, tecidos e estampas mais próximas da estética da estação.



Dentro do drop, trabalhamos o conjunto de colete e calça cargo e o lenço como peças chave da coleção. A recepção do lenço, por exemplo, foi tão positiva que sua presença passou a ser peça constante nas coleções seguintes.



A referência da direção criativa para o ensaio foram os editoriais de revistas de moda europeias, principalmente a Vogue Itália. Prezamos pelo glamour urbano e minimalista, apostando em retratos em fundo infinito. Escolhido à dedo, assim como os modelos, o fotógrafo Thiago Bruno, especialista nessa estética, foi convidado para o trabalho. O ensaio da segunda coleção nos levou para a segunda viagem com a marca, dessa vez para São Paulo, onde também fomos responsáveis pela direção executiva do processo de produção das imagens.


Mais uma vez ficamos bastante satisfeitos com o resultado final da coleção. Por meio da ponte criada com stylists já no primeiro drop, peças desse lançamento chegaram a profissionais renomados como Mlk Juninho, responsável por vestir artistas como Livinho e Recayd Mob.


Coleção 3 - Winter 2020


A princípio, diante do sucesso das duas primeiras coleções e da aceitação da marca pelo mercado, optamos estrategicamente pelo lançamento de 3 drops por ano. Entretanto, o planejamento precisou ser reajustado diante dos impactos da pandemia. Decidiu-se então substituir a coleção programada até então por uma coleção de inverno, que seria seguida por uma coleção cápsula.


O processo de desenvolvimento das peças seguiu o método de criação estabelecido para a marca. Ao trazermos a estética militar e o workwear como referências novamente, essas se solidificam de vez como mote principal da Cetti a partir do terceiro drop. Não abrindo mão também do novo, a coleção ganhou ainda nuances do visual oriundo da cultura de caça esportiva.


As peças chave aqui foram o casaco fleece e a calça com camuflado desenvolvido exclusivamente para Cetti. Nesse ponto as t-shirts ganharam identidade própria da marca, com a frente lisa e gráficos mais ilustrativos na parte de trás.



Ao invés das viagens, como vinha sendo feito até então, o fotógrafo Willmore Oliveira (You Know My Face) e os modelos do Rio de Janeiro e São Paulo convidados para o ensaio foram trazidos para Vila Velha, cidade base da marca, sob cuidados da nossa direção executiva. You Know My Face foi escolhido por ser referência na produção de retratos na estética escolhida para o ensaio pela nossa direção criativa.


É nesse momento que as coisas começam a alcançar outro patamar. Após o sold out das três coleções a marca foi procurada por mais stylists e nomes representativos da cena, como Luccas Carlos, Raphael Pereira e Yunk Vino, vestindo mais clipes musicais.


Coleção 4 - Capsule 2021


O quarto drop foi uma coleção cápsula, intencionalmente menor e compatível com a realidade do mercado da moda durante a pandemia. Dessa vez a estética militar e o workwear foram fundidos a referências orientais, mais especificamente nos desenhos e invenções das guerras imperiais japonesas - como o avião Mitsubishi 0, presente em uma das estampas.



As peças chave da coleção cápsula foram o conjunto crewneck e calça - recentemente vestidos pelo cantor Ferrugem em um dos episódios do TVZ no canal Multishow -, o lenço já tradicional da Cetti e a poltrona em parceria com a Block Office, onde as peças passaram a estar disponíveis para compra. Nessa coleção a marca apostou também nas peças plus size, estendendo a grade até o 3XL. Esse é um dos motivos pelo qual convidamos Marlon Santos para ser um dos modelos do ensaio, que foi novamente fotografado por You Know My Face. Azul e vermelho, remetendo à insígnia e à marinha japonesa, foram escolhidos como cores do ensaio que aconteceu em São Paulo com a nossa direção executiva.


O resultado foi positivo novamente, conquistando o terceiro sold out seguido da marca já na primeira semana após o lançamento. Nos três anos de parceria com a Cetti participamos da solidificação da marca em seu segmento a nível nacional e da conquista das metas traçadas no início do projeto com metade do tempo proposto.


Para dúvidas e orçamentos entre em contato via e-mail ou whatsapp.


agenciaspread@gmail.com

+55 27 997-650-948